Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade – Por Rachel Sheherazade

“Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade”. A frase (embora de autoria duvidosa) é atribuída a Joseph Goebbels, braço direito de Hitler, ministro da propaganda nazista e um especialista na arte de ludibriar.

Ao serem presos, os companheiros mensaleiros também se valeram dessa hedionda técnica de manipulação, repetindo o mantra da inocência:

Que tiveram julgamento político, apesar da maioria dos ministros do Supremo ter sido nomeada (justamente) pelo PT…

Que não gozaram de ampla defesa, mesmo com os mais caros e renomados advogados em seu favor, em oito longos anos de julgamento…

Que são presos políticos, muito embora, no Brasil, impere a mais legítima democracia.

Vencidos pela Justiça, os corruptos quadrilheiros insistem em se passar por mártires da nação, perseguidos pelas elites, sacrificados por seu imenso amor à Pátria.

Será que esse discurso ideológico vazio e ultrapassado convence?

Claro que não! Afinal, um homem não se mede por suas palavras. Mas por suas ações.

 

Acompanhe o Blog da Rachel Sheherazade

Deixe seu Comentário