Tucanos do AM parabenizam Aécio Neves pela inserção partidária “Quem muda o Brasil é você”.

O presidente de honra do PSDB-AM, prefeito de Manaus Arthur Virgílio Neto e o presidente do Diretório Regional no Amazonas, deputado estadual Arthur Virgílio Bisneto parabenizam o presidente do PSDB Nacional, senador Aécio Neves, pelo programa que o partido exibiu na noite desta quinta-feira, 18, na televisão brasileira.

Para Arthur Neto, o programa foi conceitualmente ousado e plasticamente bonito. Ele também elogiou a inserção partidária, dizendo que o vídeo é contemporâneo e projeta para o futuro aquilo que precisamos ver desenhado.

Prefeito Arthur Neto e deputado Arthur Bisneto compartilham da mensagem passada em vídeo de Aécio Neves.  Foto: Márcio Melo
Prefeito Arthur Neto e deputado Arthur Bisneto compartilham da mensagem passada em vídeo de Aécio Neves.
Foto: Márcio Melo

“Foi um programa voltado para as pessoas na voz de uma figura que realmente demonstrou capacidade de se dirigir ao produtor rural, à empreendedora, aos jovens questionadores, a todos os tipos de brasileiros. Portanto, se nós temos hoje o registro de partido que tem ideias antigas, comete erros antigos e insiste em práticas arcaicas, sinto um sinal muito claro de que o PSDB está mudando as suas ideias, renovando as suas práticas e acertando em cheio na linguagem com a qual deve se dirigir ao povo”, afirmou Arthur Neto.

Para o deputado Arthur Bisneto, o senador Aécio mostrou uma pequena parcela da realidade que o País está enfrentando. “O PSDB percebe que o País precisa ir para frente, precisamos parar de desperdiçar oportunidades porque o País está deixando de crescer. Nós estamos estagnados tanto no setor público quanto no privado, porque não há estímulo. Falta estímulo de cima para baixo. Desde o pequeno produtor ao empreendedor. Não há políticas de incentivos no País. Nosso Brasil é um país sem metas e nós precisamos

buscá-las. O País não é feito apenas pelos seus governantes e sim pela população e por partidos como o PSDB que buscam fazer a diferença”, concluiu Bisneto.

Deixe seu Comentário