Taxa de juros: a menor do Brasil é a maior do mundo

Santa Maria! Agência Brasil anuncia que a taxa de juros para o consumidor é “a menor da série histórica” iniciada há 17 anos. E sabem de quanto? 108% ao ano, a maior do mundo!

A principal manchete neste momento (18h03) da Agência Brasil, da estatal Empresa Brasil de Comunicação (EBC), reza o seguinte: “Juros para pessoa física recuam e atingem a menor taxa dos últimos 17 anos”.

Parece uma maravilha, uma comemoração.

Logo em seguida, vem o texto de abertura da reportagem:
“Fevereiro foi o terceiro mês seguido de queda. O índice foi 6,33%, uma queda de 1,09% sobre o resultado registrado em janeiro (6,4%). Isso equivale a uma taxa de 108,87% ao ano, a menor da série histórica, iniciada em 1995 pela Associação Nacional de Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade”.

Ou seja, embora realmente esteja ocorrendo uma baixa significativa nas taxas de juros, a agência está praticamente celebrando os juros ainda escandalosamente escorchantes, absurdos, espantosos — os mais altos do mundo –, que devoram a poupança dos brasileiros e escravizam milhões de consumidores a pagamentos mensais intermináveis e mais do que dobram o preço original do produto ou serviço adquirido.

Haja paciência com “este país”…

Deixe seu Comentário