Rio Negro alaga terminal de ônibus e acesso a carros é proibido, no AM

Subida das águas poderá interditar terminal, segundo Manaustrans.
Apenas veículos do sistema de transporte coletivo poderão circular na área.

Veículos de passeio tiveram o acesso impedido ao Terminal Central da Praça da Matriz, no Centro de Manaus, nesta sexta-feira (18). Somente veículos do sistema de transporte coletivo poderão circular no local.

De acordo com informações do Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans), as barreiras que impedem o acesso foram instaladas na Avenida Sete de Setembro, esquina com as ruas Governador Vitório, Instalação e Epaminondas, Centro de Manaus.

Ainda segundo a Manaustrans, a ação tem o objetivo de reduzir o tráfego na área do Terminal que já se encontra com vias alagadas pela enchente do rio Negro. Enquanto durar a restrição de acesso, veículos de moradores, trabalhadores e institucionais, poderão circular na área do Terminal com a autorização dos agentes do Manaustrans.

Com a proibição de circulação, condutores que queiram se dirigir à área do Porto de Manaus e ruas próximas à Manaus Moderna, devem seguir pela Sete de Setembro até a Avenida Eduardo Ribeiro, acessar a Rua 24 de Maio, Avenida Getúlio Vargas, Sete de Setembro, José Paranaguá, Leovegildo Coelho para chegar a Rua Marques de Santa Cruz ou Avenida Floriano Peixoto.

O Manaustrans informou ainda que está monitorando a subida das águas na Rua Marquês de Santa Cruz para verificar se será necessário interditar o Terminal.

Fonte: G1.globo.com

Deixe seu Comentário