Presidente do STF pede desculpas após discutir com jornalista

Presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa destratou jornalista nesta terça-feira, mas depois emitiu nota oficial para se desculpar O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) se desculpou nesta terça-feira (5), por meio de nota oficial, por ter chamada um repórter do jornal O Estado de S.Paulo de “palhaço” e por tê-lo mandado “chafurdar no lixo”. O episódio ocorreu hoje, na saída do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), quando vários repórteres abordaram o ministro do STF.

Joaquim BarbosaO comunicado, assinado pelo secretário de comunicação social do STF, Wellington Geraldo Silva, informa que a sessão do CNJ foi longa e que Joaquim Barbosa estava “tomado pelo cansaço e por fortes dores”. Por isso, o ministro “respondeu de forma ríspida à abordagem feita por um repórter”.

A nota afirma que o episódio foi isolado e “não condiz com o histórico de relacionamento do Ministro com a imprensa”. O texto diz ainda que Barbosa destaca o “importante papel desempenhado pela imprensa em uma democracia” e que preza pela liberdade de opinião, já que mantém “permanente diálogo com profissionais dos mais diversos veículos”.

Deixe seu Comentário