Obama chama Romney de ‘Robin Hood ao contrário’

Democrata ironizou plano fiscal do republicano, que, segundo ele, tiraria dinheiro da classe média americana para dar aos ricos do país.

Em clima de campanha, o presidente dos Estados Unidos Barack Obama ironizou o plano fiscal de seu oponente nas eleições de novembro, o republicano Mitt Romney, e o acusou querer tirar dinheiro da classe média para dar aos ricos. “É como Robin Hood, só que ao contrário: é o Romney Hood”, provocou o democrata, em um evento de campanha realizado em Stamford, no estado de Connecticut.

Segundo Obama, o plano fiscal de seu adve5rsário nas urnas prevê isenções tributárias aos americanos mais abastados e resultará em 2.000 dólares em impostos adicionais por ano às famílias de classe média. O presidente citou também um estudo do Centro de Política Fiscal, grupo sem vínculos partidários, segundo o qual os milionários dos EUA receberiam isenções fiscais de 250.000 dólares se o plano de Romney fosse colocado em prática.

Perfil empresarial – 
Durante sua campanha, Romney criticou reiteradamente as tentativas de Obama de suprimir a isenção de impostos para as rendas mais altas, argumentando que essa estratégia desestimula o investimento privado. “A ideia de simplesmente dar mais dinheiro ao governo não colocará nossa economia em funcionamento. É preciso ter um Steve Jobs começando a criar negócios, fazendo produtos que queiram ser comprados no mundo todo”, ressaltou ele, em uma entrevista recente ao canal de notícias CNN.

O ex-governador de Massachusetts reivindica seu perfil de empresário como o mais adequado para promover a geração de empregos nos EUA, e prometeu criar 12 milhões de novos postos de trabalho em seus primeiros quatro anos na Casa Branca.

Fonte: Oglobo.globo.com

 

Deixe seu Comentário