O Preço da Escolta – Por Rachel Sheherazade

Além de desnecessário, o deslocamento de presos perigosos para fóruns, é contraproducente, caro e temerário!

Agora, depois da tragédia, a pergunta que não quer calar: – Porque, em plena era da informação, das varas virtuais, do processo eletrônico, juízes e advogados ainda resistem à teleaudiência?

Ela é mais barata, mais rápida, mais prática, mais segura! Mas, nada disso convence os críticos. Eles alegam cerceamento de defesa porque o réu não estaria na presença física do juiz.

Então porque não seriam nulos, também, os julgamentos à revelia?

Como na audiência presencial, na teleaudiência, o réu não é tolhido da presença de seu advogado, de apresentar provas, testemunhas, de se reportar ao juiz, sustentar suas alegações, enfim, de requerer todo e qualquer direito!

Portanto, não há lesão à ampla defesa. (Escolham outra desculpa!)

Lesão há para sociedade, que é quem arca com os custos das escoltas de marginais.

Todos pagamos do próprio bolso. Mas para alguns, como o menino Kaio, o preço é mais caro. Esses pagaram com a vida!

 

Acompanhe o Blog da Rachel Sheherazade

Deixe seu Comentário