Novo presidente da França corta próprio salário em 30%

François Hollande

O novo presidente socialista da França, François Hollande, e seus ministros anunciaram um corte de 30% em seus salários.

Hollande havia prometido o corte durante sua campanha eleitoral, dizendo que tinha a intenção de dar o exemplo.

Seus ministros, que tiveram a primeira reunião de gabinete nesta quinta-feira, reiteraram que a preocupação principal do governo é enfrentar a crise da dívida europeia e alcançar o objetivo do presidente Hollande de mudar o foco econômico de austeridade para crescimento.

Correspondentes dizem que o corte de salário destina-se a estabelecer um contraste com seu antecessor, Nicolas Sarkozy, cujo salário foi aumentado em cem em 170% depois que ele tomou posse em 2007.

Fonte: Bbcbrasil

Deixe seu Comentário