Nokia promete cortar mais custos após prejuízo do 1º tri

Stephen Elop, presidente da Nokia. Empresa teve prejuízo maior que o esperado

A Nokia prometeu realizar mais cortes substanciais de custos depois de divulgar um prejuízo no primeiro trimestre ligeiramente maior do que o esperado.

A fabricante de celulares teve prejuízo de 0,08 euro por ação ante expectativa média de analistas de 0,07 euro, segundo a Thomson Reuters StarMine.

A empresa havia alertado na semana passada que seus negócios com telefones teriam perdas nos primeiros dois trimestres deste ano depois que as vendas de aparelhos equipados com o sistema Windows Phone não compensaram a queda nas vendas de modelos anteriores.

Deixe seu Comentário