Mercado Municipal Adolpho Lisboa tem festa comemorativa

O mercado tem mais de 5 mil metros quadrados

Após oito anos fechado para obras de restauro, o Mercado Municipal Adolpho Lisboa reabre suas portas nas primeiras horas do aniversário de Manaus. O mercado será entregue pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Centro (Semc), em meio a uma festa marcada para a noite desta quarta-feira (23) e organizada pela Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

A entrega do Mercadão totalmente restaurado é um presente que a cidade vai receber em seu 334º aniversário e foi um compromisso firmado pela administração do prefeito Arthur Virgílio Neto com os manauaras no momento em que tomou posse do cargo no dia 1º de janeiro deste ano.

Para comemorar a entrega do mercado e o aniversário da cidade será montado um palco do lado de fora do mercadão com diversas atrações, em programação marcada para começar às 20h.

Sua bela arquitetura é fortemente influenciada pelo estilo “Art Nouveau”

Sua bela arquitetura é fortemente influenciada pelo estilo “Art Nouveau”

Os 182 permissionários iniciaram o retorno aos boxes na última sexta-feira, 18. Eles começaram a organizar seus produtos dentro dos boxes e já passam a comercializá-los na próxima quinta-feira, 24.

São 64 boxes no Pavilhão Central, 20 no do Peixe, 22 no da Carne, 24 no das Hortifruti, duas praças de alimentação cada uma com 11 boxes, 19 no Pavilhão Frontal, duas bombonieres, dois restaurantes, além dos Pavilhões Pará e Amazonas.

O mercado tem mais de 5 mil metros quadrados e quando o Prefeito Arthur Neto assumiu as obras estavam paradas. Em março, a Prefeitura obteve liberação para retomar a obra e, oito meses depois está devolvendo o mercado à população. Mais de 170 profissionais entre restauradores, engenheiros, pedreiros e outros estiveram envolvidos na obra.

De acordo com o secretário Municipal do Centro, Rafael Assayag, o mercado passa a funcionar efetivamente já nas primeiras horas da manhã do dia 24, quando a cidade completa 344 anos. “O mercado é um presente para a população e representa a história dessa cidade. É um compromisso do prefeito e de sua administração e que nos orgulhamos de devolver à população já funcionando nas primeiras horas após sua reabertura”, ressaltou.

Deixe seu Comentário