Menina de 12 anos atropela irmão de 10 meses em MS, diz polícia

Segundo polícia, menina engatou a ré do carro e atingiu o irmão.
Bebê foi levado para hospital em Dourados em estado grave.

Um bebê de 10 meses foi atropelado por um carro conduzido pela irmã dele, uma criança de 12 anos, na tarde de terça-feira (20) no assentamento Santa Olga, em Nova Andradina, a 297 km de Campo Grande. O bebê foi transferido para Dourados, e permanece internado em razão da gravidade dos ferimentos e de seu estado de saúde.

De acordo com o delegado André Luiz Noveli, a criança foi atropelada na casa da família, quando estava sentada no chão. A menina engatou a ré no veículo e acabou atropelando o irmão.

O bebê foi encaminhado pelos familiares para o Hospital Municipal de Nova Andradina, onde uma enfermeira que atendeu o paciente entrou em contato com a polícia. O estado de saúde dele não foi informado.

De acordo com a PM, uma testemunha relatou aos policiais que a criança de 12 anos dirige o carro da família frequentemente. A mãe chegou ao hospital em seguida e disse que o atropelamento foi um acidente.

O delegado disse ao G1 que mãe e a filha serão ouvidas na tarde desta quarta-feira (21).  Segundo Noveli, elas prestaram depoimento informal na noite de ontem. Inicialmente o caso será tratado como lesão corporal culposa na direção de veículo automotor. “A mãe só será responsabilizada se for constatado que ela permitiu que a criança conduzisse o veículo”, explicou o delegado.

Caso seja comprovada essa permissão, ela responderá por entregar a direção do veículo a pessoa não habilitada. Se for verificada a iniciativa da criança, a menina responderá por ato infracional análogo a lesão corporal culposa.

Deixe seu Comentário