Governo libera nesta segunda R$ 190 bilhões para financiar a safra

Governo libera nesta segunda R$ 190 bilhões para financiar a safra

Recursos poderão ser usados para financiar despesas, investimentos e venda dos produtos agrícolas; taxas de juros foram reduzidas.

Os agricultores poderão solicitar a partir desta segunda-feira (3) os recursos para financiar a safra. O governo vai liberar R$ 190,25 bilhões do Plano Agrícola e Pecuário 2017/2018, também conhecido como “plano Safra”. Os recursos poderão ser usados para financiar despesas, investimentos e venda dos produtos agrícolas.

A maioria dos recursos se destina a custeio e comercialização – cerca de R$ 150,25 bilhões. O restante (38,15 bilhões) será usado para investimentos.

O Ministério da Agricultura ressaltou que os juros para a linha de crédito da próxima safra foram reduzidos. “Mesmo num cenário de dificuldade, o governo reduziu os juros de algumas linhas de crédito para permitir que os agricultores tenham safras capazes de garantir a segurança alimentar do brasileiro e excedentes exportáveis para gerar divisas”, disse o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Neri Geller, em comunicado.

A safra de 2017 deverá bater recorde, com uma alta prevista de 29% em relação a produção do ano passado, de acordo com levantamento de junho do IBGE. A agropecuária foi o motor da economia no primeiro trimestre deste ano e puxou a expansão do PIB (Produto Interno Bruto) no período.

Taxas de juros

As linhas de crédito de custeio e de investimento terão juros de 8,5% ao ano, um ponto percentual menos do que o juro do ano passado. Já as linhas do PCA (Programa de Construção e Ampliação de Armazéns), que financiará estruturas de estocagem de grãos, terá juro de 6,5% ao ano.

A linha Inovagro, que é operada pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e financia inovações no agronegócios, terá uma taxa de juros de 6,5% ao ano.

Com Informações do G1

Deixe seu Comentário