Amazonino acusa Braga de ter quebrado o Estado

Amazonino e Eduardo Braga

O prefeito de Manaus Amazonino Mendes, acusou hoje, o senador Eduardo Braga de ter literalmente, quebrado financeiramente o Estado. “Com a construção da
ponte sobre o Rio Negro, ele causou um deficit no orçamento anual do Estado de R$ 600 milhões”, destacou o prefeito, em coletiva à imprensa na qual Amazonino apresentou toda a sua cólera contra seu principal adversário na política amazonense, apesar de fazerem parte do mesmo grupo histórico no poder.

O prefeito fazia alusão ao empréstimo tomado por Braga, em nome do governo do Amazonas, para a construção da Ponte e para o Prosamin.

Amazonino, também, acusou o senador de estar tentando impedir que recursos previstos em convênios com ministérios sejam liberados para a prefeitura de Manaus.

O prefeito, ainda, disse que o governador Omar Aziz foi vítima da megalomania administrativa do ex-governador Eduardo Braga, agora senador e líder do governo no Senado. Com a palavra o senador Eduardo Braga ou sua assessoria, para apresentar o outro lado da noticia.

Deixe seu Comentário